Conhecido como uma espécie de shopping virtual, o Marketplace é um modelo de negócio considerado vantajoso para o consumidor que busca marcas e produtos diversos e preços diferenciados. Os mais conhecidos no mercado atual são: Mercado Livre, Americanas, Walmart, OLX, Netshoes, Dafiti, Bom Negócio, entre muitos outros.

Mas por quê essa forma de trabalho é tão popular?
Vou exemplificar de uma maneira simples: Suponhamos que você abriu uma loja física de roupas feminina, semelhante à de uma amiga. Diferentemente da sua, a loja dela já está estabilizada no mercado há alguns bons anos e em um lugar bem localizado, com bastante movimento.

Agora, pense que sua amiga te ofereceu um espaço na loja dela para que você pudesse divulgar os seus produtos e ter um melhor resultado, em troca de uma porcentagem sobre os seus lucros.




Imaginou? Isso é MARKETPLACE! Mas como tudo na vida, o Marketplace também tem as vantagens e as desvantagens de se investir. Confira abaixo quais são elas:

Vantagens de utilizar o Marketplace em seu negócio online:

1. Visibilidade

Sem dúvidas, a maior vantagem do marketplace é a visibilidade que ele vai proporcionar ao seu negócio. Quanto mais visitas o site tiver, mais sólido o público dele será. Sabendo disso, entende-se que é eliminada a necessidade de investimento de tempo e dinheiro para publicidade e divulgação.

Temos como exemplo o Mercado Livre: acessado por milhões de pessoas diariamente e o MAIOR site do segmento. Além disso, mesmo que sua marca seja nova, uma vez que o seu produto está na vitrine de um dos maiores e-commerces, mais confiança você entrega para o seu público. Gerada a confiança do consumidor, o site é a porta de entrada pra ganhar a credibilidade necessária no mercado. Subentende-se que todos os produtos nele comercializados, são de extrema confiança e qualidade.

2. Custos e Retorno

O custo de publicidade acaba sendo reduzido em uma plataforma com tantas marcas. Geralmente, você deve negociar com o marketplace os valores de acordo, afinal, ele fornece a vitrine para que você exponha os seu produtos e, consequentemente, receber tráfego e visitações.

A margem de lucro do modelo marketplace se torna ainda mais alta uma vez que você não precisa desembolsar com marketing, tecnologia e mídia.

Levando em consideração também que,
a grande maioria dos marketplaces trabalham com porcentagens sobre lucros ou comissões sobre vendas.

3. Aumento das Vendas

O marketplace oferece uma grande oportunidade do aumento de vendas do seu negócio.

Os maiores marketplaces brasileiros possuem em média 40 milhões de potenciais compradores, o que significa que, trabalhando com esse mercado, você amplia em 80% sua possibilidade de novos clientes realmente interessados no seu produto. Um ótimo exemplo disso é a Magazine Luiza: ao procurar um computador, o cliente poderá encontrar diversas marcas, da mais renomada até uma mais recente no mercado.

Se as características e o preço do último computador forem mais vantajosas que as demais,
é bem provável que o cliente realize a compra. Enquanto isso, se a mesma optasse por trabalhar apenas de maneira convencional, teria um extenso trabalho de construção da marca, relacionamento com público, entre outras longas etapas para enfim conquistar a confiança para realizar uma venda.

4. SEO

Tendo o seu produto em marketplaces, ele aparecerá muito bem indexado e, como consequência, terá uma referência para a sua loja nele. A sua loja virtual própria (caso você tenha uma) ganhará força no SEO, influenciando indiretamente no ranqueamento do seu site, aumentando seus acessos e consequentemente, suas vendas diretas.

5. Público Diversificado e Evolução do seu Negócio

Muitas pessoas diferentes conhecerão sua marca, trazendo amigos, colegas, conhecidos, parentes para comprar com você. Amplia-se assim, a sua demanda e consequentemente a possibilidade de aumentar o leque e variedade de produtos que você pode oferecer no seu e-commerce.

Com esse aumento de visibilidade, clientes e faturamento, o marketplace abre portas para o crescimento do seu negócio. Você ficará mais estimulado a ter ideais cada vez maiores e novas oportunidades surgirão para que você expanda seu negócio.

Desvantagens de utilizar o Marketplace em seu negócio online:

1. A Dependência

A dependência gerada para as empresas que estão inseridas nesse modelo de comércio é um fator que pode e deve ser considerado negativo. Existem vários cenários ruins que podem vir a acontecer, caso você dependa exclusivamente da plataforma. Por exemplo: se o marketplace decide encerrar suas atividades, não só você, mas todos as marcas envolvidas perdem seu canal de vendas.

A mudança de regras, aumento das taxas, porcentagem sobre vendas e comissões podem vir a pesar no bolso. Se sua renda depende somente deste canal de vendas, você acaba sendo obrigado a se enquadrar nessa situação onde o marketplace define seus custos e variação. Pensando nisso, é importante ressaltar a importância de se ter uma loja virtual.

Caso o marketplace que você venda venha a fechar ou mudar suas regras, você ainda terá sua loja funcionando normalmente e
não perderá produtos e informações nele cadastrados.

2. Baque na Personalidade da Marca

Com certeza você já passou por uma situação em que estava conversando com um amigo e elogiou um relógio, por exemplo, e a resposta que ouviu foi: Obrigada, comprei no Mercado Livre. Ok.

Mas e a marca desse relógio? Alguém se lembrou de perguntar? Mesmo que o marketplace identifique a sua loja na hora da venda, o cliente ainda assim, estará comprando da loja x e não da sua. Fixar a marca na mente do consumidor e gerar uma recompra nessa etapa é mais complicado considerando que, você basicamente não trabalha a personalidade dela.

O que pode ser feito neste caso? NÃO EXISTE FÓRMULA PERFEITA, isso é fato! Em consequência de uma série de fatores, o marketplace pode funcionar perfeitamente para alguns nichos, não performar tão bem em outros e ser um completo desastre em mais alguns.

Nada impede você de ter sua empresa, seu negócio, seu e-commerce, mas investir também em marketplaces fará muito bem no crescimento da sua loja.



Colocando essas duas ações para trabalharem juntas, seu negócio irá crescer, amadurecer e colher os benefícios gerados por ambas.

O marketplace é um atalho relativamente mais rápido para levar seus produtos de encontro aos seus clientes mas, ATENÇÃO, caso você tenha uma loja virtual, é importante que você não descuide do seu negócio. Analise o momento atual da sua empresa, a melhor maneira de trabalhar com sua persona e claro, seus produtos.

Gostou das dicas sobre marketplace? Compartilhe esse post nas redes e comente abaixo o que achou!

Além disso, não se esqueça de inscrever em nosso blog, toda semana temos vários posts com muitas dicas e novidades para fazer o seu negócio ir a mil! Siga a gente em nossas redes sociais também: Twitter, Facebook, Instagram e YouTube.
Tecnologia
iSET - Plataforma de E-commerce para criar loja virtual
Plataforma de E-commerce para criar loja virtual